Arabic Korean Japanese Chinese Simplified RussianEnglish French German Spain Italian Dutch

Pode acreditar: malhar no frio queima mais calorias!

Que a prática regular de exercícios físicos faz um bem danado ao corpo, você já sabe. Mas atire a primeira pedra quem não MORRE (sim, o caps lock em negrito foi intencional) de preguiça de ir para a academia/clube/quadra no frio! Ainda mais nesse inverno megasurpreendente que tem feito em alguns lugares do Brasil (neve no RS + SC + PR, temperaturas baixíssimas em São Paulo). Pois temos uma informação no mínimo incentivadora para você tirar o bumbum do sofá agora mesmo e se dirigir à academia mais próxima: o frio acelera a queima de calorias!Pois é, glamourosa, o metabolismo fica mais acelerado no inverno. "Nesse período, nosso corpo gasta mais calorias para aquecer o corpo. Quanto mais frio, maior a necessidade de consumir energia a fim de manter a temperatura interna do organismo - de 36 a 37,4 °C", explica o personal trainer Rodrigo Sangion, de São Paulo. O resultado? Até 30% mais calorias exterminadas do seu corpitcho!
Mas na mesma proporção que a queima de gorduras se intensifica, o consumo calórico também aumenta. O fenômeno (supernatural, diga-se de passagem) é comum a todas nós: parece que a vontade de se alimentar com quitutes pesados fica praticamente incontrolável, o que resulta em certos deslizes diante da geladeira e do fogão. Mais um motivo para enfrentar a malhação e não chegar ao verão com as calças apertadas. 
Uma boa dica é chegar à academia quentinha e se trocar lá, evitando ao máximo se exercitar ao ar livre. "Frio excessivo e ventos ocasionais podem provocar problemas respiratórios como a sinusite. Além disso, a pessoa pode se sentir mais cansada em ambientes externos". Faça um bom aquecimento para evitar lesão e aumentar a temperatura do corpo e troque novamente de roupa antes de ir embora. O esforço vai valer a pena, pode confiar!

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

Oi pessoal, obrigada pelo seu comentário e por lerem meu blog. Sejam sempre bem vindos! Dada Mitinguel.