Arabic Korean Japanese Chinese Simplified RussianEnglish French German Spain Italian Dutch

Sinta-se bem, se cuidando e amando


Meninas hoje nós vamos falar de um assunto que é de extrema importância para a nossa qualidade de vida no geral.
Diante a um mundo que as coisas acontecem de maneira tão rápida, as vezes nos encontramos cercadas de problemas ou com um humor bem pra baixo.
E as vezes, quando nos encontramos “muito pra baixo”, pensamos a acreditar que esse quadro nunca vai mudar e que vamos continuar assim para sempre, o que já assusta muitas mulheres com a terrível depressão.
A depressão existe e é verdade, mas nem sempre ela é o bicho de sete cabeças que apontam para você. E muito provavelmente ela é um sinal de mudança, já que alguma coisa não está certa e você sabe que tem alguma coisa terrível te colocando pra baixo e não sabe o que é.
Uma das possibilidades de isso acontecer é por que nós tendemos a apenas observar o resultado das nossas ações, e também passamos apenas a observar as coisas com a ótica do sentimento.
Um sentimento na verdade, ele apenas aponta como uma espécie de bússola se estamos agindo de maneira próxima a nosso valores e aos nosso reais objetivos que tendem a ser os nossos desejos mais íntimos.
Descobrindo seu norte
Quando passamos a nos encontrar em estado de desanimo constante precisamos primeiro nos fazer algumas perguntas, sendo elas:
·        Eu estou amando o que eu faço?
·        Quais são meus objetivos?
·        Eu estou caminhando para onde eu quero chegar?
·        Eu tenho me cuidado? – importante ressaltar que essa parte é exclusivamente para você, se cuidando para você se sentir bem.
·        Eu tenho progredido?
·        Eu estou com quem eu quero estar ou fazendo o que eu queria fazer?
Se você passar a responder “não” para muitas dessas perguntas, você provavelmente já começará a entender o porque você se encontra nessa situação.
Quando não evoluímos ou não temos nenhum progresso isso começa a afetar a nossa autoestima – que rapidamente começa a afetar todas as outras áreas da nossa vida.
Por isso é imprescindível que você sinta-se bem, se cuidando e amando tudo a sua volta.
Se cerque de pessoas que você ama, faça coisas que você ama.
Crie um ambiente positivo e que vá enriquecer a sua vida, elimine tudo aquilo que é negativo ou que faça você se sentir com medo da vida ( telejornais são “excelentes” para deixar todo mundo em um constante estado de paranoia ).
Não se sente bem com sua aparência, ou seu corpo? É importante que você passe a trabalhar nesse aspecto. Não existe mágica, todas as mulheres são bonitas e você deve viver se cuidando e amando a si mesma sempre.
Outro ponto importante é descobrir realmente quais são suas reais motivações na vida. Nós tendemos a muita das vezes passar a fazer as coisas para os outros e acabamos negligenciando nossos desejos mais íntimos, que as vezes são tão simples quanto uma viagem e um pouquinho de liberdade.
Esse tópico é muito longo e muito extenso, mas é importante que você consiga achar um equilíbrio na sua vida. As vezes a depressão é aquela oportunidade que você estava esperando para mudar, muitas vezes ela é o nosso alarme interno que “grita” para a gente tomar uma mudança na nossa vida.
Respeite sua individualidade e sinta-se bem, se cuidando e amando. Por que afinal, quando a resposta para as suas perguntas se tornarem algo como :
·        Eu estou me sentindo bem, cuidando e amando aquilo que faço
·        Eu estou me sentindo bem porque eu estou cuidando e amando meus objetivos
·        Eu estou me sentindo bem por que eu estou cuidando e amando as pessoas que estão a minha volta
Você certamente estará muito melhor do que estava antes mesmo de quando a sua “depressão” começou. E aliás, várias medicações antidepressivas ( como a sertralina um remédioperigoso ) certamente não vão resolver a sua vida e esses pequenos pontos que dão o sentido a nossa vida.

Bom, pessoal, por hoje é só! Espero ter ajudado e até a próxima ;)

Texto elaborado pela colaboradora do blog: Eliza Johnson
Google Plus: https://goo.gl/8PtymH

CONVERSATION

0 comentários:

Postar um comentário

Oi pessoal, obrigada pelo seu comentário e por lerem meu blog. Sejam sempre bem vindos! Dada Mitinguel.